Top Ad 728x90

27 de novembro de 2009

“A destinação do pré-sal pode ser a verdadeira redenção social do Brasil”, diz João Maia


Falando para uma platéia de empresários, estudantes e populares em geral, o deputado federal João Maia (PR) disse não ter dúvidas que o Brasil será um grande produtor de petróleo no mundo. Maia foi convidado pela Câmara de Dirigentes Lojistas de Currais Novos, para falar de Pré-Sal e Desenvolvimento Econômico do Estado, na noite de quinta (26). “A questão que nós precisamos colocar, e essa discussão vale em Currais Novos , no Oeste ou qualquer lugar do Brasil, é o que vamos fazer com essa riqueza”, disse o deputado.


Um dos primeiros passos, de acordo com o deputado, que é relator do Projeto que trata da capitalização da Petrobrás, e que teve seu relatório aprovado pela Comissão da Câmara dos Deputados, seria investir pesado em educação, ciência e tecnologia, tornando o Brasil um grande exportador em conhecimento. “Nós estamos diante de um horizonte absolutamente promissor, mas precisamos discutir o que vamos fazer com isso”, explicou. Outro ponto apresentado por João Maia como primordial seria a geração de emprego e renda, partindo inicialmente da exploração do potencial turístico que as regiões do Estado oferecem.


Eu não tenho dúvida nenhuma que os recursos do Pré-Sal, sendo aplicado de forma correta, seria responsável pela solução de um dos principais do Brasil que é a educação. A educação hoje no Brasil é o maior apartheid social que existe. O filho da classe media foge pra escola privada e o da família humilde vai pra uma escola mais fraca. Quando ele fica um ano ou mais na escola, percebe que não é um lugar de inclusão social. Se ele não tiver uma família muito estruturada, ele vai ter um encontro marcado com a violência”, finalizou. Depois, João Maia ainda respondeu as perguntas dos presentes ao evento.

0 Comentários:

Postar um comentário

Top Ad 728x90