Top Ad 728x90

24 de novembro de 2009

RN consegue a liberação de R$ 400 milhões para projeto da Copa de 2014

PAC DA MOBILIDADE URBANA

O Rio Grande do Norte é o Estado que, proporcionalmente, mais liberou projetos que consolidam o projeto para a Copa de 2014, particularmente, os acessos ao Estádio das Dunas, melhorando o trânsito na capital. Dos 18 projetos apresentados pelo Governo do Estado e Prefeitura de Natal na reunião com o comitê gestor do PAC da mobilidade urbana ocorrida na manhã desta terça-feira (24), em Brasília, 16 foram aprovados, somando recursos de R$ 400 milhões e representando uma aprovaçãode 90% dos projetos. O Governo do Estado também conseguiu incluir no PAC da mobilidade urbana a conclusão do prolongamento da avenida Prudente de Morais à BR-101.
 
"Conseguimos a garantia de recursos para esta importante obra que vai melhorar substancialmente o trânsito da capital", comemora o vice-governador Iberê Ferreira de Souza, que representou a governadora Wilma de Faria, que permanece em casa recuperando-se de uma virose. O prolongamento da Prudente era uma das propostas de emenda da bancada potiguar ao Orçamento Geral da União para 2010, mas ficou de fora.
 
Serão liberados para o Rio Grande do Norte, por meio do PAC da mobilidade urbana, recursos da ordem de R$ 400 milhões, entre verbas do governo federal, que repassará R$ 370 milhões, por meio do BNDES. Os R$ 30 milhões restantes serão aplicados, a título de contrapartidas, pelo Governo do Estado e Prefeitura de Natal. Os recursos segundo o secretário estadual de Turismo, Fernando Fernandes, que participou da reunião em Brasília, já estão disponíveis e terão que ser utilizados até junho de 2014.
 
"A Copa (2014) vai deixar um legado para o Rio Grande do Norte, que é a melhoria do trânsito na capital, com grandes obras na área de infra-estrutura",ressalta Iberê.
 
Os R$ 400 milhões serão aplicados em obras como a duplicação da avenida Mor Gouveia complexo viário na altura da Urbana, com a construção de túneis e viadutos, a ligação da Via Costeira com a avenida Engenheiro Roberto Freire, com a eliminação da rótula existente e construção de elevados, entre outros complexos viários, como a construção de um viaduto integrando as avenidas Ayrton Senna e Roberto Freire, na zona sul da capital.
 
Participaram da reunião, além do vice-governador Iberê Ferreira de Souza e do secretário Fernando Fernandes, os ministros Orlando Silva (Esportes), Márcio Fortes (Cidades), Paulo Bernardo (Planejamento), a gestora do PAC e secretária adjunta da Casa Civil da Presidência da República, Mirian Belchior, a prefeita de Natal, Micarla de Souza, os secretários estaduais Dâmocles Trinta (Infra-estrutura) e Nélson Tavares (Planejamento e Finanças) e os secretários municipais Kelps Lima (Mobilidade Urbana) e Augusto Viveiros (Planejamento).

0 Comentários:

Postar um comentário

Top Ad 728x90