Confirmado: Família de cada preso morto deve receber 50 mil reais


Parente de um presidiário chora em frente à entrada principal do Complexo Penitenciário Anisio Jobim em Manaus (Ueslei Marcelino/Reuters)

A Defensoria Pública do Amazonas deverá pedir que o governo do Estado pague 50 mil reais a cada uma das 64 famílias de detentos mortos em unidades prisionais na semana passada. O pagamento, que deverá somar 3,2 milhões de reais, já foi defendido pelo próprio Executivo diante do entendimento de que a segurança das vítimas deveria ter sido garantida pela administração estadual.

Na ficha da Polícia | VEJA

Editor

Autor & Editor

Somos a Agência de Notícias que há mais de uma década traz as principais Notícias do Rio Grande do Norte, Brasil e Mundo

0 comentários:

Postar um comentário

 
biz.