Claudio Santos: Padrão Austero de administrar

Para quem acompanha a vida pública do presidente do Tribunal de Justiça do RN, desembargador Claudio Santos, sabe perfeitamente que ele tem um comportamento implacável e austero na condução de suas responsabilidade como gestor..
As meditas de austeridades e adequação a Lei de Responsabilidade Fiscal que  adotou agora no TJ não são muitos diferentes das que ele adotou quando foi secretário de Defesa Social do RN..
Quando o desembargador foi secretário deu um ‘nó cego’ na segurança e colocou os delegados e agentes para trabalhar..
A bandidagem foi combatida e até os Carneiro de Caraúbas entraram na lei de Chico de Brito..
Uma coisa a sociedade potiguar tem que entender e apoiar: nenhuma pessoa pode presidir a justiça potiguar e não respeita uma lei, ou seja, a Lei de Responsabilidade Fiscal. 
Por Renato Dantas

NOTICIAS DO RN

Autor & Editor

Somos a Agência de Notícias que há mais de uma década traz as principais Notícias do Rio Grande do Norte, Brasil e Mundo

0 comentários:

Postar um comentário

 
biz.