Morre 241ª vítima de tragédia em boate de Santa Maria



Do Facebook
Morreu nesta quinta-feira (7) Driele Pedroso Lucas, 23 anos, subindo para 241 o número de vítimas do incêndio na boate Kiss, em Santa Maria, Rio Grande do Sul. Driele estava internada no hospital Mãe de Deus, em Porto Alegre, e era a última paciente internada que respirava com ventilação mecânica, detalhou o hospital.

No mesmo hospital onde Driele morreu no início desta manhã está Ritiele, irmã da vítima e também ferida na casa noturna. Driele trabalhava em uma padaria. Ritiele passou no vestibular para o curso de Ciências Biológicas da Universidade Federal de Santa Maria (UFSM)e estaria cursando o primeiro semestre se não dependesse do tratamento médico.
Até quarta-feira, 16 pacientes vítimas da tragédia ainda estavam internados, mas nenhum precisava de aparelhos para respirar, afirmou o Ministério da Saúde.

Os primeiros oito laudos anexados ao inquérito que investiga a tragédia na boate Kiss no dia 27 de janeiro indicam que as vítimas inalaram cianeto e monóxido de carbono. Das 241 vítimas, 234 morreram no mesmo dia da tragédia. As outras sete morreram posteriormente, em hospitais. Dos 145 feridos que precisaram de internação, 123 tiveram alta até agora e outros 15 ainda estão em cinco hospitais de Porto Alegre e um de Santa Maria.

A polícia acredita que a tragédia foi provocada pelo uso irregular de fogos de artifício dentro de um prédio que tinha instalações inadequadas, como revestimento com material impróprio e falta de saídas de emergência e que estava com lotação excessiva naquela festa. O inquérito deve ser concluído no início da próxima semana e vai apontar os responsáveis pelo desastre. Dois sócios da Kiss e dois integrantes do Gurizada Fandangueira estão presos preventivamente .

IG

NOTICIAS DO RN

Autor & Editor

Somos a Agência de Notícias que há mais de uma década traz as principais Notícias do Rio Grande do Norte, Brasil e Mundo

0 comentários:

Postar um comentário

 
biz.