Funerais de Chávez na sexta-feira, Venezuela em luto oficial de 7 dias

Os funerais do presidente Hugo Chávez, falecido esta terça, começarão na quarta-feira no hall da Academia Militar, em Caracas, e continuarão até a sexta-feira, quando será celebrada a cerimônia oficial, informou esta terça o chanceler venezuelano, Elías Jaua, acrescentando que a partir desta terça-feira serão declarados "sete dias de luto nacional".
"Começarão os funerais e a homenagem póstuma na capela ardente no hall da Academia Militar na quarta, quinta e sexta-feira", disse Jaua, que não revelou onde sera enterrado o chefe de Estado. Além disso, acrescentou que a cerimônia contará com a presença de chefes de Estado de várias nações.

"Na sexta-feira às 10 da manhã vamos fazer a cerimônia oficial" no hall da Academia militar, acrescentou Jaua, que agradeceu a todos os chefes de Estado que manifestaram sua intenção de assistir.

"Vamos fazer toda a logística para que o maior número de nosso povo possa ver seu pai, seu Libertador, seu protetor", acrescentou Jaua.

Na manhã de quarta-feira, o corpo de Chávez será levado do hospital militar até a Academia Militar, o "berço da revolução bolivariana", explicou Jaua, sem revelar o trajeto, embora tenha assegurado que o presidente falecido "será acompanhado por todo o povo".

O governo venezuelano decretou a partir de terça-feira "sete dias de luto nacional" e a suspensão de todas as atividades escolares públicas e privadas entre a quarta e sexta-feira.

A Venezuela convidou os líderes internacionais a participarem dos funerais na sexta.

O presidente uruguaio, José Mujica, viajará à meia-noite desta terça a Buenos Aires, de onde voará para Caracas ao lado da colega argentina, Cristina Kirchner, para participar dos funerais, disse à AFP uma fonte da Presidência do Uruguai.

"A presidente argentina o convidou e viajarão à noite", afirmou a fonte.

Copyright AFP - Todos os direitos de reprodução e representação reservados

AFP

NOTICIAS DO RN

Autor & Editor

Somos a Agência de Notícias que há mais de uma década traz as principais Notícias do Rio Grande do Norte, Brasil e Mundo

0 comentários:

Postar um comentário

 
biz.