Pinterest

Advertise

Notícias do RN

Editoria

Delegado: "não houve contradição no depoimento de Polessa"

Delegado-titular da 32º DP do Rio de Janeiro, em Taquara, Dr. Antonio Ricardo L. Nunes disse ao Terra que não houve contradição no depoimento da atriz Zezé Polessa, dado nesta quinta-feira (24) sobre o caso da morte do motorista Nelson Lopes.
A atriz foi ouvida pelo delegado-assistente do distrito, Dr. Maurício Mendonça. Agora a polícia espera o relatório médico do Hospital Lourenço Jorge, que atendeu o motorista, e depoimentos de testemunhas presentes no portão 3 do Projac para a conclusão da investigação 

Lopes teria morrido de infarto logo depois de uma discussão com a atriz, no dia 14 de janeiro. O motivo para a discórdia foi um erro de caminho cometido pelo motorista, deslize que teria irritado Polessa e gerado ameaças de boicote por parte dela - afirmando que não aceitaria mais ser conduzida por ele. Na sequência, o funcionário teria passado mal e sido levado a um hospital, onde morreu. 

Logo depois de o caso ser divulgado, internautas, imprensa e colegas de trabalho culparam a atriz pela morte do motorista, deixando Zezé bastante magoada. “Conheci o senhor Nelson há pouco mais de um mês, e neste período, ele me atendeu algumas poucas vezes, como ontem (segunda-feira, 14). Era um senhor extremamente educado e gentil. Quando soube de seu falecimento, fiquei muito triste. À família dele, toda minha solidariedade e carinho", declarou a atriz.

Nelson Lopes foi enterrado na quarta-feira (16).

TERRA

NOTICIAS DO RN

Somos a Agência de Notícias que há mais de uma década traz as principais Notícias do Rio Grande do Norte, Brasil e Mundo.

Nenhum comentário:

Deixe o seu comentário

Arquivo de Notícias