É sábado! Jorge Ben Jor e a Banda do Zé Pretinho em Natal

Show daqueles que não se pode perder, é neste sábado (24) a apresentação do cantor Jorge Ben Jor com a Banda do Zé Pretinho em Natal. Prestes a completar 50 anos de carreira,  Jorge Ben promete não deixar ninguém parado, a partir das 21h, no Teatro Riachuelo. No repertório, clássicos como "Mas que nada", "O telefone tocou novamente", "Filho Maravilha", "Pais Tropical", "Zazueira", "Chove Chuva", e "W/Brasil". Os ingressos estão à venda na bilheteria do teatro e no site www.ingresso.com. Mais informações: (84) 4003 2330.


Mais sobre Jorge Ben Jor:Desde a infância, Ben Jor mostrava que era hábil em equilibrar opostos: carioca de Madureira, ele cantava no coro da igreja, mas também gostava de participar dos blocos de carnaval do bairro. E nem desconfiava que em alguns anos se tornaria um dos protagonistas da história da música popular brasileira.

Mas veio o lançamento do disco Samba Esquema Novo e por conta de sucessos como "Mas Que Nada" e "Por Causa de Você, Menina", o Brasil conheceu um artista pronto, prestes a colocar a MPB em comunhão com suas raízes africanas, com a negritude e o suingue na linha de frente.

Compositor e músico talentoso – uma de suas marcas registradas é a incomum maneira de tocar violão, com influências do rock, soul e funk norte-americanos –, desde cedo ele transitou com liberdade por correntes antagônicas. Começou a tocar acompanhado por Meirelles e os Copa 5, um conjunto de jazz do Beco das Garrafas (famoso reduto da Bossa Nova carioca), e em pouco tempo já estava participando de programas como O Fino da Bossa, comandado por Elis Regina e Jair Rodrigues; Jovem Guarda, de Roberto Carlos; e inúmeros festivais.

Desde então foram mais de 30 álbuns de estúdio e uma raríssima vocação para emplacar hits. "País Tropical", "Que Pena", "Que Maravilha", "Taj Mahal", "Ive Brussel", "Fio Maravilha" e "W/Brasil" são alguns dos clássicos de seu repertório que caíram no gosto popular e transformam seus shows em um verdadeiro festival de sucessos.

'Padroeiro' de inúmeros músicos, Ben Jor viu sua obra também se tornar uma das mais reverenciadas por outros artistas, tanto no Brasil como no exterior. Clara Moreno, O Rappa, Sérgio Mendes, The Black Eyed Peas, Ella Fitzgerald, Al Jarreau, Sandra de Sá, Nação Zumbi, Fernanda Abreu, Trini Lopez e Olodum estão entre os que já regravaram suas canções.

Hoje, ao lado da respeitadíssima banda do Zé Pretinho – sua fiel escudeira musical há 34 anos –, Jorge Ben Jor cumpre uma agenda de apresentações permanentemente lotada, 'animando a festa' de um público que contempla todas as idades, classes e gêneros.

Serviço:Jorge Ben Jor e a Banda do Zé Pretinho
Dia e horário: 24 de novembro (sábado) - 22hLocal: Teatro RiachueloValores dos Ingressos:
Pista: R$ 180 (inteira) e R$ 90 (meia)Frisas: R$ 200 (inteira) e R$ 100 (meia)Balcão Nobre: R$ 220 (inteira) e R$ 110 (meia)
Plateia: R$ 240 (inteira) e R$ 120 (meia)Camarotes: R$ 290 (inteira) e R$ 145 (meia)Vendas: bilheteria do teatro e site: www.ingresso.com
Informações: (84) 4003 2330

Com informações da Assessoria de Imprensa

NOTICIAS DO RN

Autor & Editor

Somos a Agência de Notícias que há mais de uma década traz as principais Notícias do Rio Grande do Norte, Brasil e Mundo

0 comentários:

Postar um comentário

 
biz.