ALRN sedia Audiência da CPI do Tráfico de Pessoas

Uma diligência específica, em função de novos fatos surgidos no caso das crianças desaparecidas no bairro Planalto, região oeste da capital, motivou a segunda Audiência Pública da CPI do Tráfico de Pessoas do Senado em Natal este ano, que irá acontecer na próxima segunda-feira (30), no Plenarinho da Assembleia Legislativa, às 8h. A primeira foi em maio passado.

Além dos três senadores que compõem a CPI (a presidente Vanessa Grazziotin PC do B/AM, do vice-presidente, Paulo Davim PV/RN e da relatora Lídice da Matta PSB/BA), a audiência contará com a presença de representantes da Polícia Federal e do Ministério Público.

O fato novo é a coincidência do relato, por várias testemunhas, nos autos do processo, da existência de um estrangeiro residindo no Planalto na época do desaparecimento das crianças. A CPI vem realizando audiências em várias cidades brasileiras e atua na investigação do tráfico interno e para fora do país. Os senadores, inclusive, foram procurados pela produção da novela global Salve Jorge, que trata desta temática, em busca de subsídios para a atuação dos personagens.

"Essa situação das crianças do Planalto tem fortes indícios de que faz parte do tráfico de pessoas e por precisamos investigar, precisamos do envolvimento da família e principalmente do envolvimento dos órgãos de segurança pública e outros órgãos competentes para que esses casos sejam resolvidos e tenhamos resultados positivos", disse o senador Paulo Davim.

O vice-presidente da CPI disse que serão feitas novas oitivas com os familiares das pessoas desaparecidas, as testemunhas do caso. Na audiência passada, levantou-se a problemática específica de Natal, das crianças do planalto e por conta desse fato os senadores fizeram uma solicitação ao Ministério da Justiça para que a Polícia Federal entrasse no caso e as investigações fossem retomadas.

NOTICIAS DO RN

Autor & Editor

Somos a Agência de Notícias que há mais de uma década traz as principais Notícias do Rio Grande do Norte, Brasil e Mundo

0 comentários:

Postar um comentário

 
biz.