Parnamirim: Bope, BPChoque e Rocam se unem em uma grande operação contra criminalidade

Na lista da violência está incluso tráfico de drogas e atentado a familiares de Deputado



O município de Parnamirim foi palco, nesta quarta-feira (10) à noite, de uma operação policial que contou com cerca de cem homens do 3º Batalhão, Batalhão de Polícia de Choque (BPChoque), Rondas Ostensivas com Apoio de Motociclistas (Rocam) e Batalhão de Operações Policiais Especiais (Bope).

O objetivo do trabalho foi inibir a criminalidade na terceira maior cidade do Rio Grande do Norte. Em pelo menos doze pontos, a operação "Parnamirim Segura" marcou presença abordando suspeitos, parando automóveis, motocicletas, ônibus, transmitindo a sensação de segurança aos moradores.

A operação foi acompanhada pelo secretário de Estado da Segurança Pública e da Defesa Social, Aldair da Rocha; pelo subsecretário de Estado da Segurança Pública e da Defesa Social, Airton Ferraz; pelo comandante geral da Polícia Militar, coronel Francisco Canindé de Araújo Silva, além do comandante do 3º BPM, tenente-coronel Jair Júnior.
As diligências foram feitas até a meia-noite, passando por bairros como Parque Industrial, Cajupiranga, Nova Parnamirim, Passagem de Areia e Liberdade, entre outros.
Uma mulher de 18 anos foi presa, em Passagem de Areia, com 22 pedras de crack, um papelote de cocaína, além de uma pedra com cerca de 400 gramas de crack.

Para o coronel Araújo, o objetivo do trabalho foi atingido: "O que importa é que a presença da Polícia Militar inibiu a criminalidade, mostrando ao povo nossa força e nosso compromisso em proporcionar a segurança".

O secretário Aldair da Rocha ressaltou o recente investimento feito pelo Governo do Estado na área da Segurança. "Somente aqui para o 3º Batalhão vieram dezenove novas viaturas. Os policiais também receberam pistolas ponto 40, que foram doadas pelo Governo de São Paulo e, nos próximos dias, estaremos entregando mais coletes à prova de bala a esses policiais que se dedicam aqui em Parnamirim. É com satisfação que vemos os policiais trabalhando em condições dignas e vamos dar total apoio a esse Batalhão". 


Um caso de violência que foi repercutiu na imprensa local e que estava a espera de uma reação policial, foi o caso dos familiares do Deputado Gilson Moura que foram vítimas de uma tentativa de atentado a bala.

Entenda o caso:Membros da família do Deputado Gilson Moura, que moram no bairro Cidade Verde, em Nova Parnamirim, foram alvo de tentativa de atentado a bala. 

Segundo informações, eles estavam na calçada logo depois do resultado da eleição, quando homens ainda não identificados vieram em um veículo(a confirmar) e gritaram: "Maurício é o prefeito de Parnamirim" e começaram a atirar. Os familiares do Deputado correram e fecharam o portão da casa e, mesmo assim os elementos tentaram abrir o portão e ficaram olhando para dentro da casa que teve as luzes apagadas por segurança. A polícia foi acionada e chegou meia hora depois.

Uma Assessora do Deputado, que estava na casa no momento do acontecimento, publicou no Facebook: "Pessoal, tomem cuidado!!! agora mesmo passaram homens atirando, e gritando que mauricio era prefeito de parnamirim! ficaram brechando o portao e atirando! ficamos todos trancados com luzes apagadas ate a chegada meia hora depois da policia. cuidado peesoal, eles nao estao de brincadeira."

A polícia cuidará do caso e está tentando descobrir os responsáveis. Há informações de que uma câmera pode ter registrado o momento da ação. (a confirmar).

Por questão de segurança não divulgaremos os nomes dos familiares e nem da Assessora do Deputado.

NOTICIAS DO RN

Autor & Editor

Somos a Agência de Notícias que há mais de uma década traz as principais Notícias do Rio Grande do Norte, Brasil e Mundo

0 comentários:

Postar um comentário

 
biz.