Julgamento de Carlos Eduardo é adiado e Expedito Ferreira poderá julgar

Desembargador Expedito Ferreira(à esquerda)
e Carlos Eduardo (Imagem: Divulgação)
Em virtude da alegação de suspeição do Desembargador Amaury Moura para julgar as contas do ex-prefeito Carlos Eduardo que seria realizado na manhã desta quinta-feira(11) o Tribunal de Justiça do RN - TJRN, deverá fazer a substituição em tempo hábil para que haja o julgamento, de preferência, antes das eleições de 2º Turno em Natal.

De acordo com o regulamento do TJRN o Desembargador deverá ser substituído por um outro da Câmara Civel seguinte. Neste caso, já que o processo faz parte da 3ª câmara, e só há 3 no TJRN, então o próximo será, provavelmente, o Desembargador Expedito Ferreira, magistrado da 1ª Câmara Cível.

Julgamento de Carlos Eduardo poderá acontecer na próxima quinta (18)

Dessa forma, os julgamentos entram em pauta na próxima quinta-feira(18), dia em que o Judiciário Estadual definirá o futuro do Ex-prefeito Carlos Eduardo.

Veja Também:
Jornal de Hoje: Carlos Eduardo responde a mais de 100 processos no TCU por irregularidades

NOTICIAS DO RN

Autor & Editor

Somos a Agência de Notícias que há mais de uma década traz as principais Notícias do Rio Grande do Norte, Brasil e Mundo

1 comentários:

  1. Quer que eu diga o que vai dar? Nada. Mineiro coitado vai ficar mesmo para próxima. PENA. Natal merece melhor.

    ResponderExcluir

 
biz.