Mobilidade, saneamento e habitação pautaram reunião no Ministério das Cidades

A governadora Rosalba Ciarlini participou na tarde desta terça-feira (14) de uma reunião no Ministério das Cidades que vem sendo realizada com certa frequência, desde a implantação do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC), que tem como objetivo apresentar o desenvolvimento das atividades por parte do Governo do Estado, Caixa Econômica Federal, e por parte do próprio Ministério.
Rosalba Ciarlini e Ministro das Cidades
Alem do ministro Aguinaldo Ribeiro, participaram do encontro representantes de diversos órgãos federais. Acompanhada da Secretária de Estado da Infraestrutura, Kátia Pinto; do presidente da Caern, Yuri Tasso; do diretor presidente da Companhia de Habitação e desenvolvimento do RN, João Felipe Medeiros, a Governadora apresentou o andamento de várias obras.
"O Ministro das Cidades está de parabéns pela forma de como vem dando agilidade ao trabalho, na hora em que reúne todos esses órgãos envolvidos tanto nas obras de mobilidade, como de saneamento e habitação. Algumas questões muitas vezes travam o andamento das obras. É muito importante que ele tome conhecimento e dê sua contribuição para agilizar a conclusão das obras", disse a  Governadora.
Para Kátia Pinto a reunião foi muito produtiva. "Foi muito importante dar visibilidade as obras de mobilidade que são de competência do Governo do Estado. São três obras, duas delas já estão licitadas e um está em processo de licenciamento ambiental. Mostramos com clareza que o cronograma previsto na Caixa Econômica será cumprido", disse ela.
"A reunião foi extremamente produtiva", disse o Ministro, explicando que a proposta da reunião foi Alcançada. "Nós convergimos as ações no sentido de vencer obstáculos e avançar na execução de todas as obras em parceria com o Governo do Estado", concluiu.
Com informações da Assessoria de Imprensa
Fotos: Mariana Di Pietro

NOTICIAS DO RN

Autor & Editor

Somos a Agência de Notícias que há mais de uma década traz as principais Notícias do Rio Grande do Norte, Brasil e Mundo

0 comentários:

Postar um comentário

 
biz.