Presidente do PSDC de Parnamirim afirma: Nosso partido não está fechado com ninguém

(da esquerda para direita) Marquinhos da Climep,
Alex Teixeira e o Pres. do PSDC Santana
 
Partido presidido no estado pelo ex-presidente da OAB RN, Joanilson de Paula Rego,cujo os últimos dias esteve acompanhando o Senador José Agripino (DEM) em alguns eventos. O PSDC em Parnamirim saiu de mero coadjuvante na última campanha para futuro protagonista nesse pleito que se aproxima. Através da presidência do empreendedor Santana, o grupo que se filiou conta com nomes fortes, tais como: O próprio Santana, Clésia do Mercadorama, Ricardo Wagner, Dr. Yuri, Gustavo Negócio, Paulo Henrique, Marquinhos da Climep, Alex Teixeira e entre outros.
Com essa força de mais de 20 bons nomes para disputarem a proporcional em Parnamirim, o partido valoriza seu passe e seu presidente afirma: “Não nos coligaremos com ninguém, somos um partido totalmente liberal, todos os membros estão livres para fazerem suas parcerias, pois nós, pioneiramente em Parnamirim, estamos aplicando a democracia partidária, onde todos os filiados com legenda na proporcional podem escolher quem bem entender para apoiar. Essa é nossa determinação, o PSDC conta hoje com 32 presidentes na verdade, que são o número de pré-candidatos aptos que temos a disposição para enfrentar a campanha desse ano, ou seja, cada um tem livre arbítrio em suas escolhas de apoio.”

Essa determinação do PSDC, mais uma vez, atinge aos apoios partidários declarados pelo prefeito de Parnamirim, Maurício Marques dos Santos (PDT).
Segundo o mesmo 16 partidos apoiam seu nome para a reeleição. Dentre esses, 3 negaram declaradamente não apoiar a reeleição do atual gestor. São eles o PTB de Nazareno Neri, que inclusive declarou apoio a pré-candidatura do vice prefeito Epifânio Bezerra, o DEM da agora presidente Kátia Pires (vereadora de oposição), pós intervenção do senador José Agripino ao ex-prefeito Raimundo Marciano que apoia MM, e agora o PSDC que para muitos terá a maior bancada na Câmara Municipal e que parece que foi mal entendido pelos correligionários do atual prefeito.
Com isso, dos 27 partidos funcionais em Parnamirim, 13 estão declaradamente com o atual prefeito, enquanto 14 se unem para compor a oposição de Parnamirim. Essa briga partidária ainda rende muito mais até as convenções para alguns cientistas políticos locais. É aguardar para ver no que dá.
 
Autor:Luiz Augusto
Fonte: RN10

NOTICIAS DO RN

Autor & Editor

Somos a Agência de Notícias que há mais de uma década traz as principais Notícias do Rio Grande do Norte, Brasil e Mundo

0 comentários:

Postar um comentário

 
biz.