Fiat fica mais dona da Chrysler

Grupo italiano amplia a 58,5% sua fatia nos papéis da norte-americana 

Da redação da Auto Esporte
Fiat
 
O recém-lançado Fiat Freemont, feito sobre o Dodge Journey, foi o primeiro "fruto" da incorporação da Chrysler
 
A matriz do grupo Fiat anunciou nesta quarta-feira (4) a compra de mais 5% das ações do grupo Chrysler, o qual a fábrica italiana já é majoritária desde junho de 2011. Agora, a Fiat é dona de 58,5% dos papéis da Chrysler, aumento que estava condicionado à produção de veículos mais econômicos (e menos poluentes) pelo grupo norte-americano – utilizando tecnologia e componentes da italiana, especialmente para produzir o 500.

Com a ampliação, a Fiat fica ainda mais dona da Chrysler e, nos próximos meses, deve acelerar o processo de atualização da rede de concessionários. Essa adaptação será feita não apenas nos Estados Unidos, mas também em mercados europeus e latino-americanos, como o Brasil. Por aqui, a Fiat irá desassociar as lojas de Chrysler, Dodge, Jeep e RAM das revendas da Mercedes-Benz – o grupo Daimler foi dono da Chrysler.

NOTICIAS DO RN

Autor & Editor

Somos a Agência de Notícias que há mais de uma década traz as principais Notícias do Rio Grande do Norte, Brasil e Mundo

1 comentários:

  1. A FREEMONT FICOU MUITO LINDA. PARABÉNS À FIAT.

    ResponderExcluir

 
biz.