Pedro Damásio confia em vitória na eleição do CREA/RN

O ideal de uma gestão transparente, democrática e participativa é o norte do candidato à presidência do Conselho Regional de Engenharia, Arquitetura e Agronomia do Rio Grande do Norte (CREA/RN), o engenheiro eletricista Pedro Damásio.

Às vésperas das eleições para o cargo máximo da entidade, que acontecem na próxima terça (8), o candidato acredita na adesão dos profissionais para elegê-lo como a melhor opção para o CREA. O mandato da presidência é de três anos, podendo ser renovado por mais três.

A votação ocorrerá na terça-feira, das 9 às 19 horas, em seis municípios do Estado: Natal, Mossoró, Pau dos Ferros, Caicó, Currais Novos e Assu.

Estão aptos a votar os profissionais — agrônomos(as), arquitetos(as), engenheiros(as), geógrafos(as), geólogos(as), meteorologistas, técnicos agrícolas, técnicos industriais, tecnólogos — registrados no CREA/RN e adimplentes com sua anuidade.

Pedro tem como um dos compromissos centrais de campanha não exercer cargo de secretário ou qualquer outro cargo público nas esferas federal, estadual ou municipal, simultaneamente com o mandato de presidente.

“Os dois últimos presidentes foram presidentes e secretários. Acredito que o cargo no CREA não pode ser utilizado como escada para outro cargo”, afirma. Para Pedro, há um choque de interesses em assumir as duas funções. Apesar do compromisso de campanha, o candidato ressalta que irá respeitar os profissionais que exercem cargos públicos.

O Candidato
Pedro Damásio é engenheiro eletricista, advogado, administrador e técnico em mineração.  Na eleição para o Conselho Federal de Engenharia, Arquitetura, e Agronomia (Confea), ele apóia a candidatura de Álvaro Cabrini; enquanto Josué Teixeira é seu candidato para a direção geral da Mútua-RN, e Francisco Joseraldo é seu candidato para a direção administrativa da Mútua-RN.

NOTICIAS DO RN

Autor & Editor

Somos a Agência de Notícias que há mais de uma década traz as principais Notícias do Rio Grande do Norte, Brasil e Mundo

0 comentários:

Postar um comentário

 
biz.