SINPOL marca nova reunião com Governo para tratar de outras reivindicações

NOVA REUNIÃO
 
As propostas relativas aos demais pleitos da categoria ficaram de ser apresentadas em uma nova reunião, já agendada para a próxima terça-feira (11), às 16h, na CGE. Na ocasião, a Secretária de Estado da Infraestrutura entregará o orçamento relativo ao custo da reforma de um segundo prédio que também será utilizado para a custódia de presos, além de indicar a data para a conclusão dessa obra.


A Consultora-Geral do Estado, Tatiana Mendes Cunha, na qualidade de mediadora dessa negociação, ficou responsável por marcar as reuniões e cobrar dos gestores o cumprimento dos compromissos firmados. "Nós vamos fazer um esforço concentrado para cumprir os acordos", afirmou a Consultora, que em nome do Governo solicitou ao SINPOL/RN a adoção de medidas para evitar a deflagração de greve.

Segundo o Procurador-Geral do Estado, Miguel Josino, "a reunião foi muito produtiva, avançamos bastante, estamos conseguindo uma agenda positiva e temos plena convicção de que os policiais civis se sensibilizarão com a proposta concreta apresentada pelo Governo do Estado", afirmou. Por sua vez, o Presidente do SINPOL/RN, Djair Oliveira, declarou que "tudo o que foi dito será levado hoje às 18h à na assembleia, pois a categoria é quem irá decidir", destacou.

Desse modo, resta a expectativa acerca da resposta que os policiais civis darão ao Governo do Estado, o qual, está envidando todos os esforços para manter o diálogo com a categoria e, assim, encontrar formas de cumprir os compromissos já firmados, considerando a delicada situação financeira pela qual passa a Administração Pública.

NOTICIAS DO RN

Autor & Editor

Somos a Agência de Notícias que há mais de uma década traz as principais Notícias do Rio Grande do Norte, Brasil e Mundo

1 comentários:

  1. Amigos, ajudem a divulgar as nossas obras literarias
    muitos dos nossos livros estao esquecidos
    muitas das nossas obras precisam ser relancadas.

    http://101livrosdorn.blogspot.com/

    grato

    ResponderExcluir

 
biz.